O que é um simpósio?

por 4.events
por 4.events

Entre as categorias de eventos acadêmicos, o simpósio é um dos que mais se destacam.

Veja a seguir o que é um simpósio, qual o seu propósito e as características que definem esse tipo de encontro.

O que é um simpósio?

Um simpósio é um evento científico que reúne pesquisadores de uma determinada comunidade científica para apresentar os seus estudos sobre um tema específico.

Atenção, essa é uma das principais características desse tipo de evento: ele acontece em torno de um recorte bem delimitado de um assunto para que todos os participantes apresentem as suas perspectivas e, assim, possam evoluir na busca por uma solução ou explicação daquilo.

É um debate em torno de uma pesquisa previamente definida em que cada estudioso expõe os seus resultados. Além disso, diferente de outros tipos de eventos científicos, como o congresso, o simpósio acontece em um único dia.

Estrutura do simpósio

Desde que mantido o propósito, cada simpósio pode ter suas próprias regras. Por exemplo: os organizadores vão definir em que formato os participantes vão expor suas pesquisas, seja por meio de um pôster, apresentação multimídia ou oral.

Além disso, no simpósio também existe a figura do moderador, mas ele não pode interferir no tema que está sendo abordado e nas falas dos especialistas.

Diferença entre simpósio e seminário

Esses dois eventos científicos são essencialmente diferentes. No caso do seminário, existe um assunto central, mas que ainda não foi muito explorado. Além disso, ele acontece em três etapas: primeiro um pesquisador convidado expõe o tema em questão, depois discute esse tema e abre para uma plateia participar do debate.

Mas perceba que por ser mais abrangente quanto ao objeto de estudo, não existe esse intuito de se aproximar o máximo possível da solução do problema de pesquisa. Ele tem mais a intenção de levantar o assunto.

Quem pode participar de um simpósio?

Quem se apresenta num simpósio são estudiosos convidados pela organização do evento, que precisam ter se dedicado profundamente a pesquisar sobre o tema, para que possam trazer resultados dessa pesquisa, ainda que não sejam definitivos.

No entanto, a maior parte dos simpósios tem plateia, da qual fazem parte outros pesquisadores da área, docentes, estudantes e pessoas que tenham algum tipo de interesse no assunto em debate.

Qual a importância dos simpósios?

A ideia sempre é que o conhecimento científico, produzido academicamente, sirva à sociedade. Que proporcione melhorias que beneficiem as pessoas, direta ou indiretamente.

Produzir conhecimento apenas para que ele fique restrito à comunidade científica não tem sentido. Nesse contexto, o simpósio é fundamental porque se debruça sobre um problema de pesquisa específico, buscando se aproximar cada vez mais da sua solução e esse é o primeiro passo para que todo esse estudo possa ser aplicado em prol da sociedade.

Nesse tipo de evento, estudiosos reúnem suas forças e perspectivas para encontrar respostas que depois vão se transformar em vacinas, novos métodos de educação, medicamentos, tratamentos e diversos outros benefícios. Por isso, toda a sociedade sai ganhando com os investimentos em eventos dessa natureza.

Assine a nossa newsletter e receba nossos conteúdos em primeira mão.

Artigos Relacionados

Você provavelmente também vai se interessar em

Quer fazer eventos melhores?

Aqui é o lugar para aprender!

Inscreva-se em nossa newsletter:

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade

Utilizamos cookies e outras tecnologias a fim de proporcionar a melhor experiência enquanto você navega em nosso site, assim podemos personalizar nosso conteúdo, oferecer um ótimo desempenho e serviços cada vez melhores de acordo com nossa política de privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com essas condições.